top of page

HÁ 4 ANOS | 15 de outubro de 2017: "O pior dia do ano em termos de incêndios"

Os incêndios florestais em Portugal de outubro de 2017 deflagraram no dia 15 de outubro de 2017 no centro e norte do país.


Cerca de 440 incêndios estavam ativos em Portugal, com a ANEPC a registar 523 ocorrências, dos quais 33 de alta importância. Nas televisões a porta-voz da proteção civil descrevia o dia como "o pior dia do ano em matéria de incêndios florestais".


O fogo propagou-se rapidamente devido aos ventos fortes provocados pelo furacão Ophelia que assolaram o litoral da península Ibérica, as temperaturas invulgares estavam acima dos 30º, devido e à seca na Península Ibérica de 2017. O mês de setembro de 2017 foi o mais seco, com o território a se encontrar em seca severa.


O fim- de-semana de 15 e 16 de outubro ficou marcado pela passagem da tempestade tropical Ofélia ao longo da costa portuguesa que trouxe massas de ar quente e ventos fortes que potenciaram a dimensão dos fogos. No mesmo ano, o número de incêndios na Europa duplicou, fenómeno que os especialistas atribuem ao aquecimento global.


Os incêndios destruíram várias casas e edifícios industriais, chegaram ainda a cortar múltiplas estradas, incluindo autoestradas. Os incêndios resultaram em 50 vítimas mortais confirmadas.


Foi decretado um luto nacional de três dias.




252 visualizações

Comments


bottom of page