top of page

Detido Suspeito de atear dois fogos florestais no concelho de Tábua

A Polícia Judiciária (PJ) deteve, um homem, de 49 anos, pela alegada autoria de dois crimes de incêndio florestal, ocorridos no domingo, na freguesia de Midões, concelho de Tábua.


O suspeito foi detido pela Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, com a colaboração do Grupo de Trabalho para a Redução das Ignições em Espaço Rural – Zona Centro, e dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Oliveirinha.


A PJ refere, em comunicado divulgado hoje, que o homem, com o uso de “chama direta ateou os incêndios em terrenos incultos, povoados com fenos secos, matos, giestas e silvas, inseridos em misto de área urbana, agrícola e florestal”.


Segundo a PJ, os incêndios teriam proporções mais gravosas, caso não tivesse havido uma rápida intervenção dos populares e dos meios de combate (bombeiros e meios aéreos, com equipa aerotransportada).


“A atuação do suspeito colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, habitações e a grande mancha florestal”, refere ainda esta.

O detido vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.


De relembrar que foi no incêndio do dia 3 de julho, ao final da noite, que esteve na origem do grave acidente de um bombeiro da corporação dos bombeiros voluntários de Vila Nova de Oliveirinha, ao combater as chamas que deflagraram junto à sua casa no Casal da Senhora em Midões. Até ao momento o bombeiro encontra-se internado nos Hospitais da Universidade de Coimbra.


Fotografia ilustrativa


915 visualizações

Comments


bottom of page